Pepsi Max | Uncle Drew

pepsidest

Quando assisti esse vídeo gravado pela Pepsi Max me lembrei bastante do episódio da Susan Boyle no British Got Talent. As pessoas veem alguém que não se “adequa” ao padrão esperado, começam cheias de preconceito e ironia e depois se emocionam quando elas são surpreendidas.

Para mim, não importa se a situação é armada ou não – como é na ação da Pepsi Max com o jogador de basquete Kyle Irving maquiado com um velho ou como se suspeita que foi com a Susan Boyle no programa de TV. O que importa é esse sentimento que fica de que somos, sempre, um pouco preconceituosos.

2 Responses / Leave a comment

  1. Victor Thadeu

    O Wagner Brenner falou tudo! Estamos mais crentes do impossível. E esse vídeo diz muito sobre nossos pré-conceitos e a forma como ficamos atônitos com a queda deles. ;p

  2. Wagner Brenner

    Nessa época de "velhinhos" que correm maratonas é interessante notar como, mesmo depois do Uncle Drew começar a barbarizar com jogadas sensacionais, seguem-se longos minutos de fascinio, ao invés de desconfiança.
    Estamos mais crentes do impossível. :)