publicidade

anuncie aqui
des
Comportamento featured

Socorro, não consigo mais ler livros.

Não consigo mais ler livros.
Não que eu não queira. Simplesmente não consigo.

Sou um leitor, desde que me entendo por gente.

Sempre li muito. E continuo lendo.

Mas de uns anos para cá, me alimentar compulsivamente de internet tem causado um efeito colateral que ainda não consigo explicar muito bem.

Só sei que agora, toda vez que pego um livro nas mãos, não consigo ler, canso rápido. Se o texto não “embala” logo, preciso de muito esforço para continuar com a leitura.

E não é só com o livro de papel. A mesma coisa acontece com o livro digital. Não tem nada a ver com o tipo de apoio. Tem a ver com a extensão do texto.

Essa situção tem me deixado agustiado. Será que desaprendi a ler? Será que fiquei preguiçoso? Será que agora só consigo ler coisas curtinhas e, de preferência, com uns links?

Acho que não. Na verdade, nunca li tanto como agora. Passo o dia inteiro lendo. Mas leio cacos, fragmentos.

Sim, o efeito é conhecido e foi previsto anos atrás.

Sai o disco, entra a música.
Sai o filme, entra a série.
Sai a série, entra o curta do Youtube.
Sai a mesa de bar, entra o Facebook.
Sai o livro, entra o post, o artigo.

Tudo o que era consumido em pacote-família, em tabletão, agora é consumido em formato M&M’s.

A gente já sabia que isso acontecer, faz tempo. Mas o que eu ainda não tinha sentido na pele é que esse fenômeno do snack culture iria me TIRAR algo e me IMPEDIR de ler textos longos. Porque uma coisa é você perceber que existe uma nova maneira de ler (circular e não linear) e passar a usá-la.

Outra coisa é você perder sua capacidade de concentração.

Eu queria adicionar o jeito novo, mas não queria perder o jeito velho.

A internet causou em mim, e talvez em você, uma diminuição na atenção, um efeito similar ao do Transtorno do Déficit de Atenção (TDAH). Não que essa dificuldade de concentração seja um TDAH (que é neurobiológico e tem causas genéticas), mas tem essa característica em comum. Aliás, os próprios parâmetros de diagnóstico de TDAH tem sido frequentemente revistos justamente por conta dessa alteração de comportamento, especialmente em escolas.

Já tentei de tudo, busquei aquelas ficções bacanas, cheias de escapismo, com viagens para lugares distantes, coisas que eu devorava durante a adolescência…mas 10 minutos depois o que escapa é minha atenção mesmo.

Fico voltando para o começo do parágrafo, sabe? Nem a biografia do Steve Jobs eu consegui terminar.

Fico repetindo para o autor “vai, já entendi, conta logo, pára de enrolar”.

Esse é outro sintoma: fiquei mais factual e perco fácil a paciência com aquela fase de contextualização e envolvimento com os personagens.

Meu kindle tem, neste exato momento, a ridícula marca de 18 livros iniciados.

Estou fazendo com eles a mesma coisa que faço com as músicas no meu iPhone, que fatalmente acabam tomando uma “skipada” depois de alguns segundos (tirando as do Zappa, que felizmente ainda ouço cada nota com prazer até o fim). Pô, eu ouvia aqueles álbuns inteiros do Pink Floyd… agora isso seria inimaginável.

Sei que isso tudo soa como algo ruim, mas nem isso eu tenho certeza.

A civilização humana já passou por isso muito antes da internet, por exemplo quando passamos da comunicação exclusivamente oral e acrescentamos a escrita. Colocar conteúdo por escrito livrou nossa memória e permitiu textos bem mais longos e precisos. Agora estamos de volta aos conteúdos curtos, mas ainda mais precisos. E, se um dia desenvolvermos a telepatia, certamente as palavras vão nos parecer ineficientes demais. Formas diferentes de trocar conteúdos, histórias.

Enfim, um post pouco conclusivo, mais desabafo mesmo, para ver se tem mais gente nesse barco.

Estou assustado por não conseguir mais ler um livro inteiro.

Sobre o Updater

Profile photo of Wagner Brenner

Wagner Brenner

Fundador do Update or Die.
Editoria e criação.

Faça um update neste post!

291 Comentários on "Socorro, não consigo mais ler livros."

avatar

Leia por:   mais novos | mais antigos | mais votados
Jackson Vasconcelos
Guest
Jackson Vasconcelos
5 dias 18 horas atrás

Meu estava acontecendo exatamente isso comigo, acredito ser um efeito da internet mesmo.
Como resposta a isso, assinei a revista Píaui, que possui reportagens bem grandes e isso tem sido uma reeducarão no modo de ler.

Guest
7 dias 15 horas atrás

Colega, tô na mesma! :(

Guest
7 dias 16 horas atrás

Luciano Cardoso Evandro O. Brito

Guest
7 dias 20 horas atrás

Netto Cambiaghi

Claudia Roberta Angst
Guest
Claudia Roberta Angst
7 dias 20 horas atrás

Não pude evitar de me identificar com o seu post. Realmente, vivemos um tempo bastante estranho, cheio de pressa e velocidade crescente. Mas pressa para chegar aonde? Apenas formigas ensandecidas, sem rumo, sem objetivo, apostando corrida umas com as outras. Sinto que estou cada vez com mais preguiça de ler e com vontade de pular parágrafos, fazer uma leitura dinâmica e pronto. E olha que eu escrevo… Estou do outro lado do caos.

Tais
Guest
Tais
7 dias 22 horas atrás

Wagner, cê não tá sozinho.
Ontem mesmo estava me questionando sobre esse inquietude. Tantos livros interminados… e eu que sempre emendei um livro no outro!
É o mal do século, será?
Ótimo texto.

Abs.
Tais

Guest
8 dias 1 hora atrás

Que textão, hein?

Marcio David
Guest
Marcio David
8 dias 2 horas atrás

Prezado Wagner, texto perfeito. Sintetiza um sentimento em comum. E que me afligia. Encontrei um livro que conclui. Mas tenho vários outros acumulados para retomar meu ritmo de leitura anterior com os livros. A questão da educação é fato, por outro lado, percebo na geração atual de estudantes a necessidade de desenvolver autonomia, a prática, serem produtores e sair do sistema comum com excesso de teorias. Abraço

Guest
8 dias 7 horas atrás

Isadora Muniz

Guest
7 dias 23 horas atrás

:( vou te dar um kindle (e me dar tbm)

Julia Elias
Guest
Julia Elias
8 dias 8 horas atrás

Estamos juntos, meu caro. Mesmo lendo coisas de extrema importância para a minha vida ou das quais eu gosto, minha atenção logo é desviada para a parede. Um dica é se forçar a ler. Deixe O ou OS livros que está lendo sempre a vista, para você se lembrar que aquilo é legal, para dar mais uma chance; para tentar de novo e de novo. Agora partiu TENTAR ler, ao menos 30 paginas do livro que esta na cabeceira!

Guest
8 dias 8 horas atrás

Eu Aecio Lobo

Guest
8 dias 10 horas atrás

Mayara Leandro Suguaya

Guest
8 dias 10 horas atrás

Fahrenheit 451 fala exatamente disso.

Guest
8 dias 11 horas atrás

Sistema de recompensa imediata. Efeito Candy Crush.

Guest
8 dias 11 horas atrás

esta dificil

Pamela
Guest
Pamela
8 dias 12 horas atrás
Mesmíssimo barco, Wagner! Usaria at as mesmas palavras do seu texto para me descrever. Depois de adulta, enxerguei que fui uma criança e adolescente com dificuldade de concentração, na escola e em outras coisas, como ler livros. Quando adulta, passei a ter muita vontade de ler vários livros que via, passei a gostar de livrarias e comprar livros, mas os largava em gavetas intactos ou lia algumas primeiras páginas para nunca mais pegar. Não que eu não quisesse saber o conteúdo, mas porque passava o fogo de palha depois de comprar ou ler um pouquinho. Nunca quietava o faixo para… Leia mais »
Guest
8 dias 13 horas atrás

Bárbara Soares

Guest
8 dias 13 horas atrás

Gente! Sinto a mesma coisa! Achei que eu tava ficando louca…até com cinema eu to assim.. Antigamente era viciada em cinema, hoje acho perda de tempo passar 2:30h numa sala..

Gabriel
Guest
Gabriel
8 dias 14 horas atrás
Oi, Wagner. Certo tempo atrás eu me encontrava com parecida situação. Eu TORNEI A ASSEGURAR que tinha TDAH, o que era uma inverdade maldita. Quem realmente possuía TDAH, digo de maneira ilustrativa, era meus ambientes rotineiros: meu quarto, pelo barulho da rua incessante. A faculdade, por falta de um local silencioso para estudar dignamente. Dentre outros lugares. Tomei conhecimento que cada tipo de estímulo proveniente dos sentidos que temos (audição, visão, tato, oufato/ paladar, etc) possui uma capacidade imensa de foco para as atividades, pois são eles os responsáveis por fazermos interagir com o exterior. Portanto, se a atividade que… Leia mais »
Cassio JP Silva
Guest
Cassio JP Silva
8 dias 15 horas atrás

Comigo ocorre o mesmo. Mas eu insisto. Mantenho os livros comigo, voltando sempre para eles lendo vários ao mesmo tempo. Uso minha capacidade da boa memória para conceitos para poder fazer isto. Não gosto desta situação, pois eu sou de uma geração que viveu o livro, que se aprofundava (Hoje gosto muito de ebooks que vale tanto quanto os livros). Mas a geração que está aí (velhos e jovens) está sendo treinada para ser superficial. Exemplo disto é a aversão a “textões”. Fico por aqui neste textão…

Guest
8 dias 17 horas atrás

não somos dessas Amanda Areias

Guest
8 dias 11 horas atrás

vou! te chamo dpois pra combinar direito

Guest
8 dias 11 horas atrás

To brincando, mas quando a gente se ver eu te dou um pra vc ler!

Guest
8 dias 11 horas atrás

Siim, vai me assistir quarta! Hahahaha

Guest
8 dias 11 horas atrás

Amanda Areias aaa juro que pra mim n mudou tanto , e falando nisso quero o seu do tcc emprestado pra ler tudo !

Guest
8 dias 11 horas atrás

Maaas esse texto me fez perceber uma coisa. Antigamente eu conseguia ficar horas lendo um livro direto, hoje em dia eu não consigo mais. Eu leio uns 20min, paro, vou fazer outra coisa, leio mais 20min, paro, e fico nessa hahaha

Guest
8 dias 11 horas atrás

Hahahah definitivamente não temos esse problema

Guest
8 dias 19 horas atrás

Juliana Goularte

Guest
8 dias 19 horas atrás

Não consegui ler o texto. Muito grande. :|

Guest
8 dias 20 horas atrás

Izabella Gimenez

Guest
8 dias 20 horas atrás

Izabella Gimenez

Guest
8 dias 20 horas atrás

Andréa Pino!! Olha eu.. gente me sinto assim, não tenho paciência e não consigo me concentrar

Guest
8 dias 21 horas atrás

Rodrigo BBoo

Guest
8 dias 21 horas atrás

Na verdade, nunca tive essa cultura de leitura e esse texto descreveu bem o que eu nunca aprendi, esse “TDAH”. Eu sempre quis o objetivo, o óbvio e sucinto sentido. Mas tenho que aprender, preciso aprender!

Guest
8 dias 21 horas atrás

Clarissa Souza hahaha olha nos aí!!!! O que me deixou esperançosa foi que nas férias peguei Dostóievski , George Orwell e voltei a ter esperança !! Haha

Guest
8 dias 21 horas atrás

Nunca tive costume de ler e acaba sendo uma tortura ficar 10min lendo . Já comprei livros, mas nunca começo ou consigo dar continuidade . Os que consegui ler, já nem lembro de nada ( isso depois de ter acabado de ter lido). :(
Enfim, é um hábito que quero me esforçar pra ter.

Guest
8 dias 21 horas atrás

Ainda leio livros. Sempre fui compulsivo desde os 7, 8 anos até mais ou menos uns 25 eu lia em média de 3 a 5 cinco livros por mês. Hoje não leio mais que 15 a 20 por ano. Isso também me assusta.

Jorge
Guest
Jorge
8 dias 21 horas atrás

Te indico um livro pra entender isso, The Shallows do Carr. Abs!

Guest
8 dias 22 horas atrás

Tem livros e Livros… Atualmente estou na metade de 2 livros técnicos a 4 ou 5 meses , tent ler 3 livros de ficção mas a forma que foi escrito não contribui, mas ao mesmo tempo já peguei outros 4 livros que li em 1 ou 2 semanas cada, temos muito mais opções de livros e autores, o que não significa necessariamente mais qualidade….. Esse é o problema!!

Guest
8 dias 22 horas atrás

Eu sim

Guest
8 dias 22 horas atrás

Para o autor do texto, deixo aqui um trecho do Daniel Pennac, que fez um tratado sobre ser leitor.

1. O direito de não ler.
2. O direito de pular páginas.
3. O direito de não terminar um livro.
4. O direito de reler.
5. O direito de reler.
6. O direito ao bovarismo* (doença textualmente transmissível).
7. O direito de ler em qualquer lugar.
8. O direito de ler uma frase aqui e outra ali.
9. O direito de ler em voz alta.
10. O direito de calar

Guest
8 dias 22 horas atrás

Sei não, acho isso questão de prática.De dezembro até agora já li 18 livros, e nem me acho um leitor compulsivo.Basta perder 1 horinha por dia e você consegue.Nas outras 23 horas vi quatro temporadas de Breaking Bad, fiz um blog e ainda fiquei no Facebook rsss

Guest
8 dias 22 horas atrás

Até longa tá difícil de assistir sem parar um pouco pra ver um outro vídeo curto no Facebook.

Guest
8 dias 22 horas atrás

Aline Barreto =l

Guest
8 dias 22 horas atrás
É um efeito no nosso cérebro causado pela Internet+Smartphones+Redes Sociais, e que retalha nossa atenção e concentração, viciando-nos a estímulos novos. Há muito tempo atrás li sobre isso. A solução é aprender a meditar, selecionar o conteúdo que vai absorver, e ter disciplina. Já estou terminando o quarto livro nesse ano, sem problemas. Faço um filtro nas coisas que vou dar atenção na Internet, e controlo minhas conversas no WhatsApp. Como eu vivi o mundo sem Internet, não foi tão difícil ‘voltar ao normal’. Se você não der um jeito nisso, terá muitos problemas e muita ineficiência nas coisas que… Leia mais »
Guest
8 dias 23 horas atrás

Não consegui acabar de ler a matéria… Muito longa.

Guest
8 dias 23 horas atrás

Eu trabalho com Literatura e formação de leitores e professores. Quando me toquei que ficava mais no netflix do que lendo, me senti mal. O kindle me ajudou a ficar menos no celular na rua, por exemplo. No tédio, na fila, na sala de espera, kindle.
Botei limites de séries tmb. Estratégias para reverter esse quadro!!!

Guest
7 dias 15 horas atrás

Poxa, obrigada por compartilharem essas dicas. Vou tentar também!

Guest
8 dias 14 horas atrás

O Kindle tb me salvou.

Guest
8 dias 22 horas atrás

Tenho direito a 2 episódios por dia de 45′ e um de 25′. Hahahahahaha! Boto meta de capítulos também.

São estratégias para não nos perdermos. Percebi uma falta de paciência em mim, ao assistir filmes longos. Como pode?

Não quero perder a concentração e nem a capacidade de usufruir uma narrativa mais lenta. Chega de tudo fast. Slow reading é tudo.

Guest
8 dias 22 horas atrás

O kindle tb tá me ajudando a desligar do celular e retomar o hábito de ler livros.

Guest
8 dias 23 horas atrás

Seu comentário me contempla! ;)

Guest
8 dias 23 horas atrás

pensei só eu que estava assim…me sinto culpada..rs

Guest
8 dias 23 horas atrás

Fernanda Vicenti pior, tipo um efeito dominó…atinge até a escrita

Guest
8 dias 23 horas atrás

Estamos no mesmo barco.Ando impaciente com séries de tv e textos longos de jornais ou revistas.Ainda consigo ver filmes longos mas rever toda trilogia de Matrix se torna impensável.

Guest
8 dias 23 horas atrás

Estava pensando sobre isso dias atrás, troquei minhas horas de leitura pela Netflix
Preciso rever isso!

Marcia
Guest
Marcia
13 dias 13 horas atrás

Sua matéria li inteira, por identificação. Sem a Internet como isso seria possível? Uma conversa com amigos num bar? Talvez.

Viviane
Guest
19 dias 7 horas atrás

Ainda bem que não sou a única. Sou tão impaciente pra ler, que nem sua matéria li inteira.

Juliano
Guest
Juliano
28 dias 7 horas atrás
Eu estava tomando este mesmo caminho. Não teve outro jeito: fazendo uma opção por qualidade, optei pela consistência e profundidade dos livros então reduzi o tempo de internet. Chega de perder horas vendo inutilidades no Facebook. Em vez de ficar discutindo com gente ‘bronca’ que não me agrega muita coisa, melhor ficar lendo. Mil vezes mais vantajoso para mim. Mas só isto, só reduzir internet, não melhora a leitura de imediato, é preciso ir gradativamente aumentando (na verdade, retomando) a carga de leitura. O segredo é disciplina e retomar progressivamente, querer resolver o problema de uma ‘tacada’ só não funciona.… Leia mais »
Anônimo
Guest
Anônimo
1 mes 12 dias atrás

Estou com o mesmo problema a mais de 1 ano. Estou a procura de uma solução pois esta sendo muito frustante ter que lidar com esse mau em tempos de final de graduação jurídica. Fico lendo e relendo um unico paragrafo varias vezes, fico preso na leitura e não saio do lugar. O que consigo é com muito esforço, e aí bate o cançaso muito rápido.

Nilton
Guest
Nilton
1 mes 17 dias atrás

O problema está generalizado e tem causas não apenas psicológicas, mas neurológicas: o cérebro se VICIA em novidades… e fica solicitando ser alimentado constantemente. É um vício (o termo técnico é “adição”) da química cerebral, como as drogas, o álcool etc. Livros tem um enredo fixo…e a internet é um parque de diversões de estímulos, por isso nosso cérebro nos empurra para buscar sempre novas informações. Mas podemos recondicioná-lo com algum esforço e mudança de hábitos.

Liziane
Guest
Liziane
1 mes 22 dias atrás

Estou com o mesmo problema, já comecei o quarto livro com esperança de me prender à história, mas não estou conseguindo. Os conteúdos da internet parecem mais fáceis e rápidos, acabo deixando os livros de lado.

Jeph
Guest
Jeph
1 mes 28 dias atrás

Estou no mesmo barco. Nesse momento mesmo estou me forçando a terminar A Guerra dos Tronos e, cara, qualquer motivo é motivo pra eu parar de ver e vir pra Internet ver algo.
Os capítulos da Sansa não ajuda nem um pouco falando dos cabelos dourado do Joffrey a todo momento. D:

wpDiscuz

publicidade

anuncie aqui
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Olá!

   

Sign in

Forgot password?

Don't have an account? Register

Close
of

Processing files…