Home Música A cabine de gravar vinil de Jack White
A cabine de gravar vinil de Jack White

A cabine de gravar vinil de Jack White

Eis a nova aquisição de Jack White: um Voice-o-Graph (de 1947). O objeto, que passou por restauração, é uma cabine de gravação de vinil de seis polegadas. Qualquer pessoa pode gravar pouco mais de um minuto e depositar o disquinho em uma caixa de correio.

Há certas belas experiências que só podem acontecer dentro de uma loja de discos. Então eu pensei que nada poderia demonstrar mais isso do que uma máquina única que permite que você grave o seu próprio vinil e envie para alguém, em qualquer lugar do mundo, para compartilhar uma música, um poema ou uma mensagem.”,  disse White.

A cabine está na Third Man Records, a gravadora do camarada, e fez parte de suas ações entusiastas como embaixador do Record Store Day. No vídeo acima, uma demonstração de Brendan Benson (do The Raconteurs).

White gravou uma versão de “Coal Miner s Daughter”, de Loretta Lynn:

Neil Young também passou por lá:

1neilyoung

Tá aí uma coisa que eu ainda quero experimentar.

Obrigado pela dica, Amanda F.


Gustavo Giglio Publicitário, sócio-diretor de marketing e novos negócios do UoD, passou dez anos como gerente de marketing e comunicação na Trip Editora. Baixista da banda Kisser Clan, faz parte da comissão julgadora da Bienal Brasileira de Design Gráfico, é membro do comitê Marketing Experts (da Fundação Getúlio Vargas), Embaixador da marca Irlandesa Guinness no Brasil, jurado no Prêmio Abril de Publicidade e considerado um dos 50 Profissionais Mais Inovadores do Mercado Digital Brasileiro (pela revista Próxxima).
Loading Disqus Comments ...

Comment(11)

  1. Que idéia maravilhosa de poder gravar algo completamente espontâneo numa cabine como essa!! Como será que essa ” novidade” foi recebida em 1947?.. It just makes me wonder…

LEAVE YOUR COMMENT

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>