A password will be e-mailed to you.

Criado pelo Instituto Igarapé, do Rio de Janeiro, em parceria com o Create Lab, da Universidade Carnegie Mellon nos Estados Unidos, o mapa lançado em maio de 2017 permite ver os deslocamentos que refugiados vêm vivendo ao decorrer dos anos após o surgimento de crises humanitárias. As informações foram compiladas pelo Acnur (Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados).

Reprodução. Via explorables.cmucreatelab.org

Cada grupo de 17 refugiados é representado visualmente por um dos pontos que se movem. Clicando nas imagens no canto inferior dá para ver os recortes dessas movimentações em áreas específicas, como Síria, Libéria, Colômbia e Somália, além de ser possível selecionar o ano para visualização. Confira.