A password will be e-mailed to you.

Está em exposição no Instituto Tomie Ohtake uma coleção de obras do artista argentino Julio Le Parc. Se você, como eu, é fã de obras que trabalham com ilusões de ótica, interação e movimento certamente vai apreciar o acervo que está em exposição até 25 de fevereiro.

La Parc tem uma trajetória de pesquisa ininterrupta (quase obsessiva) no campo de desenvolver instalações, quadros e gadgets que instigam a visão e a mente do observador. Suas obras vão desde pequenas telas com jogos de pontos e linhas até grandes espelhos com luzes intermitentes instalados estrategicamente dentro de salas completamente escuras.

Para os fãs é uma experiência imersiva – e reflexiva – única.