A CM.Labs, braço de experimentações da Chaotic Moon, desenvolveu um skate motorizado que pode ser controlado só com a força do pensamento. O Board of Awesomeness decodifica os sinais do seu cérebro e conduz o skate para a direção que você deseja ir. Também dá pra aumentar ou reduzir a velocidade, bem como decidir a hora de parar:

Além da diversão de andar em um skate assim, é interessante pensar que em breve esta tecnologia pode ser melhorada e adaptada para outras plataformas  e sistemas, e ter várias outras aplicações. E, ainda que com propósitos diferentes, isso também me lembrou das pesquisas do neurocientista Miguel Nicolelis sobre a interface cérebro-máquina. Ok, aí fiz correlações demais, né? :)

via PSFK.

O título dessa série de posts foi tirado de uma frase que ouvi quando conversava com um dos fundadores de uma renomada cerveja brasileira. Na época esse conceito foi fundamental para que eu entendesse uma série de fenômenos que fui observando ao longo da minha (não muito longa) carreira, e que resumi na post 1 da série. Depois também fiz uma parte 2, e agora retomo o assunto apresentando essa palestra do TED com Rory Sutherland, vice presidente da Ogilvy.

via @bilaamorim a long time ago