[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=frtJQFe9apw[/youtube]

16 de maio de 2010 será lembrado como o dia em que o heavy metal perdeu um dos seus maiores expoentes. Com 67 anos, Ronnie James Dio morreu após um longa luta contra um câncer no estômago.

Entre suas muitas contribuições para o cenário musical (foi vocalista do Rainbow e do Black Sabbath) está a popularização do “chifrinho” \m/. Criado em uma família tipicamente italiana, Dio cresceu vendo sua avó usar o sinal para afastar o mau olhado. Assim que foi convidado por Tony Iommi a entrar no Black Sabbath resolveu levar o gesto, conhecido como “malocchio” (termo grego), para os palcos.

O “mano cornuta” (mão em forma de chifres) é um gesto que possui, até hoje, um sentido vulgar em vários países mediterrâneos. Com o tempo, e graças a Ronnie James Dio, passou a significar muito mais uma saudação ao “rock n rooolllllllll” (com voz grave) e ao “meeettaaaaallllll” (com voz fininha) do que algo ruim.

Dio, descanse em paz. We Salute You.