Prisioneiro de guerra piscando “Torture” em Morse, durante entrevista

Jeremiah Denton é um piloto aposentado da marinha americana.
Durante a década de 60, no Vietnã, foi capturado e passou 8 anos como prisioneiro de Guerra, 4(!) na solitária.
Em 1966, Jeremiah foi forçado a dar uma entrevista pela TV Vietnamita para mostrar que os prisioneiros estavam sendo bem tratados.
Enquanto respondia as perguntas, Jeremiah falava bem mais do que se podia ouvir: piscava ininterruptamente em Código Morse: T-O-R-T-U-R-E.
A mensagem foi decodificada pela inteligência americana e Jeremiah foi solto em 1973 (hoje está com 87 anos).
Escreveu um livro sobre a experiência, chamado When Hell Was in Session.

[via]

Default image
Wagner Brenner

5 Comments

  1. Que loucura…
    Fiquei curiosa para ver outros videos que possam ter mensagens em codigos. 

  2. Caro, Gb, todos sabemos (acredito que a maioria pelo menos ouviu falar) o que é uma guerra. O assunto abordado diz respeito a uma maneira do soldado dizer a quem estava assistindo, que estava falando sob tortura. O fato de que o exercito ao qual ele servia ter feito vitimas, nao dá direito ao inimigo de infligir tortura. Por mais estranho que possa parecer, existem regras para uma guerra. Voce, quando esteve prestando servico militar no seu país, deve muito bem saber disso. Um abraco, ismael.

  3. Muito inteligente! Mas o mundo sabe o que cidadãos como ele fizeram a 3,5 milhões de vietnamitas…

Leave a Reply

Ad Blocker Detected!

Refresh