in

Grades que você nunca viu, mas que também nunca deixam de existir

É isso.

Poderia entrar para a série “filmes que não fiz, mas adoraria ter feito” do Beto Salatini.

Para mim, entrou na lista coisas-pra-ter-sempre-em-mente.

via @tcanzian

Reportar

Escrito por Fabricio Teixeira

é designer e trabalha para deixar sua vida mais fácil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carregando…

0

Gostou do post?

82 points
Upvote Downvote