Este é o símbolo que representa as pessoas com mais de 60 anos no Brasil. Será que ele realmente traduz o estilo de vida dessas pessoas? Será que não é pejorativo demais?

Ao invés de um velhinho, com a mão nas costas se apoiando em uma bengala, o ideal não seria algo mais digno? Então, por que não propor isso?

Com isso na cabeça o pessoal da Garage (junto com o ItsNOON e o Catarse) convidou o Update or Die para participar e apoiar o projeto: “Nova Cara da Terceira Idade”. A ideia é dar um update no símbolo que representa os idosos no Brasil. E como fazer isso? Através de um concurso de design.

O UoD é um parceiro estratégico para o projeto pois é um veículo feito por e para formadores de opinião. São players como Garage, It’s Noon, Catarse e Update or Die que tomam para si missões como essa, de questionar o que está enraizado na nossa sociedade mas que nem sempre evoluem com o tempo e os novos cenários”. Max Petrucci – presidente da Garage

Segundo o Conselho Nacional dos Direitos do Idoso, o uso deste símbolo não é lei, é convenção. Os orgãos responsáveis já sabem da iniciativa e a possibilidade de mudá-lo é oficial. Ou seja, se encontrarmos um símbolo interessante o suficiente, que gere empatia e que faça os donos de estabelecimentos trocarem o antigo, o movimento pode ganhar proporções maiores do que imaginamos e atingir o objetivo principal.

Olha algumas sugestões:

No ItsNOON você entende tudo sobre o projeto. Após a etapa de escolha dos 10 finalistas, os símbolos serão espalhados pelas principais cidades do País na tentativa de provocar reflexão. Aqui podemos conferir alguns símbolos que já foram criados e enviados. Manda aí pra gente a sua sugestão.

Mais sobre o projeto: Facebook | Pinterest | Twitter | Youtube

46 comments
  1. Depois que fiz 60 anos, foi que dei conta do símbolo repeesentando os idosos.
    Simplesmente ridículo, ñ é assim que somos.
    Queria um espaço para reincindicar a queda de tal figura.
    Temos que mudar!!!!!

  2. Um idoso que não é atendido num ponto de ônibus quando dá o sinal pedindo para entrar no ônibus e o motorista vira a cara pro lado;um idoso que não tem acesso a saúde, que mora na mesma rua que nasceu e ainda não vê um saneamento básico não se incomoda com o pictograma.

  3. Gustavo, um rosto idoso sorridente, seja de mulher ou homem reflete melhor. Não podemos negar a idade, portanto, nada de musculação ou exercícios (porque não são todos assim) mas também nada de bengalas…o ideal é o que falei acima. Também o simbolo primeiro com um + é simpático.

  4. É verdade, a maioria dos "idosos" de 60 anos não precisam mais ser tratados de forma diferente porque são iguais aos mais jovens, neste caso, o tratamento especial transforma-se em privilegio. Assim, O QUE PRECISA SER MUDADA É A IDADE E NÃO O SIMBOLO. A LEI FOI PENSADA PARA FACILITAR A VIDA DAS PESSOAS QUE TEM PROBLEMAS DE MOBILIDADE, OU SEJA, A IDADE PROVOU NÃO SER BOA MEDIDA, AI, ENVÉS DE ADEQUAR A IDADE AO SIMBOLO, AS PESSOAS MUDAM O SIMBOLO. NO BRASIL É SEMPRE ASSIM, O PROBLEMA É SEMPRE O SOFA.

  5. Prezados Colegas,

    É difícil ser idoso, ajudamos a construir o Brasil, assistimos após décadas ainda a falta de respeito a dignidade humana, culturalmente o pais evoluiu pouco o que deixa a nós os idosos muito tristes.

    Recebemos uma aposentadoría que nos faz a levar uma vida não confortável em bens materiais, as prioridades.
    são pagar um convênio médico, dinheiro para remédios e alimentação.

    Carro novo nem sonhar, o segredo é não ficar doente e procurar ser feliz com o que temos, e se possível.
    buscar menos despesas.

    O desenho é muito representativo, estamos na "pior idade", no caminho do reumatismo, Alzeimer, esquecimento.
    pelos amigos, e deixar de ser consumista, usar um novo lay-out com cadeira de rodas não ficaria representativo.

    O idoso tem que assumir que é idoso e levar uma vida de idoso, atualemte quando ando pela rua reconheço facilmente um aposentado, o mais importante de tudo é que me sinto livre.

    Hoje 23/01/2013, li no jornal que o Ministro do Japão deseja reduzir custos, e considera que os idosos tem grande peso no deficit the economia, realmente os idosos tem grande peso pois engordaram, estão comendo apenas macarrão e não morrem porque não comem carne e viveram uma vida menos sofrida que a dos brasileiros, este Ministro é um imbecil tem 72 anos e deveria se suicidar, pois já está consumindo muito viagra gratuitamente e pelo que pronuncia está ficando demente.

    Biologiamente o idoso irá perdendo seu porte atletico, suas celulas estão degenerando, faz parte the natureza.

    O maior segredo para todos os idosos é :
    – ser feliz,
    – valorizar-se na condição de idoso,
    – aceitar ser idoso,
    – aproveitar a condição de idoso e seremos sempre diferenciados com respeito e isso é importante.
    – Não ficar doente, e se ficar procurar ser curado por seu esforço ou dos médicos, não se entregar.
    – Sobrevivemos, temos muita sabedoria vamos transmití-la.
    – Temos ainda muito amor para dar.
    – Leia, revistas livros, vá ao cinema, teatro, converse, pratique andar todos os dias.

    MiINHA POSIÇÃO É MANTENHA O SIMBOLO ATUAL, REPRESENTA A VERDADEIRA IDENTIDADE DO IDOSO.

    Da bengala passaremos ao andador e dele para a cadeira de rodas e finalemente ao caixão que será carregado por quatro alças.

    É assim, se aguentamos durante 60 anos todos os problemas que nos surgiram, os 10 ou 20 restantes serão com toda sabedoria, portanto, não vamos cometer erros com nossa vida.

    COLEGAS IDOSOS, LEMBREM-SE PARA TER 70 ANOS FALTAM 10 ANOS, PASSA RÁPIDO, PARA TER 80 ANOS.
    FALTAM 20 ANOS PASSA MENOS RÁPIDO, TEMOS POUCO TEMPO PARA VIVER ENTÃO VAMOS VIVER MUITO BEM.

    COMO SERIA BOM GANHARMOS NA LOTERIA OU SE NOSSA APOSENTADORIA FOSSE UM PRESENTE.
    PARA NOSSA FELICIDADE.

    PODERIAMOS NOS UNIR E FAZERMOS UM CONCURSO PARA UM VIAGEM A EUROPA A UM CASAL DE APOSENTADOS.

    Cordiais Saudações,
    Darcio Calligaris

  6. SIMBOLO PARA IDOSOS: Ajude a Trocar este Simbolo!
    Pertenso a 3º Idade, Tenho meu documento de estacionamento prioritário, mas confesso me sinto envergonhado, constrangido quando preciso estacionar na vaga para idoso com este simbolo na minha frente! Afinal de contas Helena Godoy escreveu: "SÓ TORNA-SE IDOSOS OS SELECIONADOS PELA VIDA" Porque representar o idoso com um simbolo que dá a impressão: "A terra tá chamando… A terra tá chamando…" Quem for selecionado pela vida, chega lá, e olha o simbolo que te espera…

  7. o povo emaluqueceuuuuuuu! tem símbolo de 30, 40 ou 50? e a bengala a genter já sabe o q fazer c ela né? nós somos a maioria tratado com minoria? não mesmo… update são nescessários qdo alguma coisa está fora de moda, tipo a cabeça deste povo!

  8. Pessoal, tem várias discussões muito bacanas acontecendo aqui e essa era a ideia do movimento mesmo. Nós não temos respostas pra tudo, mas uma vontade (que pelo que já pudemos perceber é de muita gente também) de repensar algo que hoje é invisível pra maioria. Vamos continuar o debate lá na fan page? Estamos em contato com a iniciativa pública e privada também, esse é só o começo! https://www.facebook.com/Nova3idade

    1. é que se for colocar o símbolo como é mesmo poderia ser confundido com vagas para crianças.uma vez eu dava um curso de teatro de livros para terceira idade e minha filha Priscila Cotta foi me buscar e enquanto aguardava viu as senhoras saindo e indo se balançar no balanço das crianças , saiam com a alma leve e solta, um balanço acho que não ia ser bom símbolo.será?

  9. Engraçado que no dia 13 de abril estava com o meu pai (ele já tem mais de 60) no banco do brasil e vi o simbolo em questão! Ao analisar mais um pouco vi que meu pai não estava nada parecido com a imagem! Ainda bem né! No momento coloquei uma foto no instagram levantando a mesma questão! Acho que não representa mais, e a percepção do público também acredito que tenha mudado! http://instagr.am/p/JXLIH4L-um/

  10. Tah, só que como você vai representar uma classe sem evidenciar uma característica dela? Pura e simplesmente por conta de uma mania de eufemismos e do politicamente correto…
    Acaba que o ícone do idoso, que lhe dá privilégios por ter uma condição física menos favorável, tende a ser igual a de qualquer homem/mulher adulto. Sério, se começarem a escrever no ícone ele perde a validade e função de ícone… espero que tenham isto claro na cabeça de vocês.

  11. Não tenho nada contra o símbolo atual. Tenho 60 anos, sou professora aposentada e estou relativamente bem de saúde. Cá entre nós, intimamente, rola uma certa empatia e identidade com o pictograma em uso. Minha coluna tem me incomodado muito… Existem momentos que adoraria ter uma bengala por perto. Não vejo nada de pejorativo ou humilhante na imagem atual. E não gostei the proposta que tem o símbolo de CURTIR do Facebook junto com a frase "melhor idade". Melhor idade? Quem falou? Tudo começa a falhar e funcionar mais lentamente. Estou mais tolerante, mais centrada, mas na minha "melhor idade", jamais! Vamos parar com essa palhaçada. Trabalhei feito louca e amava trabalhar. Agora, aposentada, quero meus direitos como qualquer cidadã e um deles é não receber rótulos de qual é a "categoria" the minha idade: melhor, pior, comparado a.. Isso me parece preconceito velado, do tipo "Agora eles podem ficar de pijama até mais tarde, que legal! Que vida boa!". Bem, ironias e brincadeiras a parte, vou acompanhar o resultado do projeto.

    1. …não gostei "the" proposta… Viu só? Nem percebi o erro! Coisa de idoso. hehehe…

  12. A provocação é muito válida.

    E também questiono o símbolo feminino, que nada mais é do que uma pessoa de vestido. Acho curioso que o homem seja nada mais do que ele mesmo, "em estado natural", e a mulher tenha que usar algo artificial (um vestido) para representar o gênero.

    1. Bruno, uma polêmica por vez! Deixa a questão do vestido pro Laerte conduzir (tão logo ele resolva o problema do roubo de seu acervo) :)

      Quanto à idéia de remodelar o ícone havia visto ontem mas questiono se esse símbolo é o símbolo de "maior de 60 anos" ou de "idoso que precisa que você, mal-educado, forneça o lugar para ele sentar e descansar seu corpo cansado". Gosto da idéia de uma iconografia associada ao número que representa a idade, de forma a ser utilizada universalmente em condições diversas. Até porque alguns "ditos velhinhos" de 60 estão melhores que muita gente 10 anos mais nova e nem sempre precisam (e/ou desejam) benefícios paternalistas. Isso vai na mesma linha do conceito de "idoso". Creio que 150 anos atrás a expectativa de vida média mais baixa caracterizava alguém de 60 anos como no fim da vida. E agora, esse número ainda faz sentido?

  13. Sensacional! É isso mesmo! Essa imagem não representa a população idosa. É preciso desmistificar e construir na sociedade a consciência de que ser idoso não é sinônimo de dependência biopsicossocial, muito pelo contrário! Adorei a iniciativa! HASTA! o/

  14. A ideia é criar um novo símbolo ou uma ilustração? Estou vendo várias ilustras complexas para substituir um símbolo que mesmo sendo pejorativo tem aplicação prática por: ter uma cor única, formas bem definidas e ser simples.

  15. Fosse a velhice a melhor idade, as pessoas não ansiariam por envelhecer? – e aqui seria preciso lembrar que vivemos em tempos que evidenciam obsessivamente o contrário? O que significa conclamar pessoas que vivem "a melhor idade" para embarcarem antes dos demais, nos aeroportos? Qual seria a razão de privilegiar quem goza sua melhor fase em detrimento dos jovens apressados e sobrecarregados de obrigações – e, seguindo essa lógica, em idades tanto piores quanto menores? Essa expressão não soa uma enorme contradição, um eufemismo tolo – mas pretensamente simpático – nascido nos departamentos de marketing? A ninguém parece ridículo afirmar que um idoso vive sua terceira juventude, chegando ao ponto de evitar a palavra velhice justamente para defendê-la como boa condição? E ninguém lembra que esse símbolo é usado pra demarcar conquistas legais que visam proteger os idosos? Ora, a plena capacidade física – um dos argumentos do vídeo – não seria a melhor razão para dispensar (e não reforçar) os esforços especiais do Estado na intenção de protegê-los?

    Ao mesmo tempo que não defendo ser o atual pictograma a melhor representação de um idoso, a mim parece a imagem mais bem resolvida diante das substituições propostas. E não digo que ela não seja necessariamente a melhor porque a acho antiquada ou indigna, mas por acreditar que qualquer coisa pode ser melhorada. Um pictograma precisa significar algo com a máxima economia de elementos e esse desenho do idoso pretende representar todos os que passaram dos 60, estejam com 61 ou 105 anos. Creio que adultos bem resolvidos (é bom lembrar que um idoso é antes um adulto) dispensam adulações, eufemismos ou diminutivos (senhorinha, tiozinho etc.), e pouco ou nada devem se importar com um símbolo que representa algo tão natural quanto as limitações que se impõem com os anos – a dificuldade motora é só uma entre outras milhares possíveis, mas muito mais complexas de representar graficamente.

    E a razão desta proposta é a limitação do pictograma ao representar o estado de espírito de uma parcela emergente dos sexagenários? Eis, talvez, uma boa discussão: neste caso deve-se antes procurar representar as condições físicas ou de ânimo? As físicas me parecem mais adequadas, tangíveis e universais, dado que, antes de estar feliz, bem disposto ou super ativo, o idoso é naturalmente – portanto universalmente – alguém acometido por mudanças fisiológicas marcantes, mais ou menos intensas (mais uma vez, talvez a limitação motora seja a mais fácil de se representar, por isso o símbolo atual).

    Acredito que seja válida a reflexão. Eu acho o tema polêmico e – ao contrário do que possa parecer – tenho mais dúvidas que certezas sobre o assunto. Tenho medo mesmo é the solução rápida e descoladinha, resultando numa adulação tola antes de um símbolo mais maduro e amplamente reconhecido, ainda que calcado em limitações humanas – por mais alérgicos que vimos nos tornando a isso.

    Mas acho sim que indigno é tratar velho como criança e velhice como melhor idade – soa coisa de jovem que acha que idoso precisa esquecer que envelheceu, é digno de pena e merece ser tratado com dedos por isso.

    Em média o brasileiro morre treze anos depois de se tornar oficialmente um idoso – e é razoável supor que uma série de limitações venha antes disso. Estamos, portanto, ainda longe dos video-cases que devem ilustrar a campanha.

    1. Quando vi o projeto achei ótimo. Mas depois pensei extamente o que tu escreveste: segundo a campanha, 60 anos não querem mais dizer limitação! Logo, sem limitação, provavelmente, sem privilégio. Ou então, matém-se o privilégio puramente por "respeito" ou qualquer outro serviço nobre… o que já seria um bom sinal nos dias de hoje. (Neste caso, não entraria em questão a condição da pessoa, e então um símbolo "60+" ou algo do gênero poderia dar conta.)

  16. Achei a proposta muito válida. Sem dúvidas, nossa sociedade precisa quebrar muitos preconceitos e mitos em relação a velhice. Iniciativas como essas fazem a diferença e contribuem para a construção de uma sociedade mais madura e respeitosa.

  17. A maior dificuldade é sintetizar tudo em 1 pictograma. Transformar um ícone em um banner é fácil, mas e o contrário? Sou super a favor the mudança, até porque com 60 anos (espero) não estar assim, mas trocar um pictograma por um selo não é a melhor solução…. ainda mais que ele precisa ser universal e funcionar em qualquer língua, pois assim, pelo menos na teoria, são os pictogramas…

  18. faço essa pose, agora aos 52, mas é porque trabalho em serviço noturno, as vezes, tendo q transportar pesos de até 15 quilos, durante a madrugada toda, vou chegar na velhice só aos 100 anos…

    1. precisa mesmo. precisamos mudar a cara desta que em muitos aspectos e' a melhor idade das nossas vidas

Comente

Posts Similares