in

Filha de Robin Williams deixa redes sociais depois de receber imagens falsas do corpo do pai (!!!)

zelda2

Robin Williams e sua filha Zelda em comercial para Nintendo

É meio off-topic aqui para o UoD, mas é um traço de comportamento que precisa ser discutido. A facilidade como as redes permitem que o lado mais baixo do ser humano aflore, doa a quem doer.

Desta vez os imbecis se superaram. Sim, claro que em todo lugar tem chato, na vida real também. Mas como bem sabem os mais próximos, nutro um profundo desprezo pelas redes sociais assim que os limites dos amigos da vida real são ultrapassados e ficamos expostos ao zoológico humano, dos chatos covardes cheios de opiniões mas sem nenhuma noção. E pela facilidade e impunidade como isso acontece. A grande maioria é muito legal, mas bastam poucos para transformar o ambiente em um lugar onde não gostaríamos de estar.

O que aconteceu?

Simplesmente, um dia depois de perder seu pai, a filha do Robin Williams, que é bem ativa nas redes sociais, virou alvo de mensagens reclamando pela falta de imagens que ela deveria postar já que supostamente teria acesso a mais coisas que a imprensa. Só isso já seria motivo para indignação. Bom, como ela evidentemente ignorou esses comentários, começaram a aparecer na timeline fotos falsas de corpos (cadáveres) fingindo ser o de Robin Williams.  Dois usuários (@PimpStory e @MrGoosebuster) começaram com a “brincadeira” e já foram suspensos no Twitter. Um dia depois de perder o pai por suicídio.

zelda3

O tweet de Zelda pedindo ajuda para que as fotos fossem reportadas ao Twitter

As redes sociais são ferramentas incríveis, mas são potencialmente devastadoras porque permitem esse tipo de atitude covarde e sem consequência. Coisas que dificilmente aconteceriam cara a cara, mas que ficam bem mais fáceis por trás de uma tela.

Zelda Williams já tinha pedido privacidade no dia anterior, mas de nada adiantou. Essa é a mensagem que deixou explicando sua saída do Instagram

I will be leaving this account for a but while I heal and decide if I’ll be deleting it or not. In this difficult time, please try to be respectful of the accounts of myself, my family and my friends. Mining our accounts for photos of dad, or judging me on the number of them is cruel and unnecessary. There are a couple throughout, but the real private moments I shared with him were precious, quiet, and believe it or not, not full of photos or ‘selfies’. I shared him with a world where everyone was taking their photo with him, but I was lucky enough to spend time with him without cameras too. That was more than enough, and I’m grateful for what little time I had. My favorite photos of family are framed in my house, not posted on social media, and they ‘ll remain there. They would’ve wound up on the news or blogs then, and they certainly would now. That’s not what I want for our memories together. Thank you for your respect and understanding in this difficult time. Goodbye. Xo.

 

zel4

zelda5

[via] [via]

Reportar

Gostou do post?

82 points
Upvote Downvote
Hero

Escrito por Wagner Brenner

Fundador e editor do Update or Die!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *