in

Réplicas mostram como era, de fato, usar uma armadura.

armor3

Esqueça os capa-e-espada que você assistia na Sessão da Tarde.

Um surpreendente video produzido pelo Le Musée National du Moyen-Âge, com réplicas exatas de armaduras nos mostra como era, de verdade, usar uma armadura no século 15. A surpresa fica por conta da mobilidade, muito maior do que o cinema nos fez acreditar. Nos filmes, os cavaleiros andam do mesmo jeito que o C3PO de Guerra nas Estrelas. E se caíssem no chão, o peso não perimitiria que se levantassem novamente, ficando rendidos como uma tartaruga de casco para baixo.

armor2

Eu não consigo nem SEM a armadura. Mas isso não vem ao caso.

A simulação feita pelo Museu nos mostra uma realidade diferente. As armaduras eram sim pesadas, mas o conjunto é uma inteligente sobreposição de placas com partes soltas (e não tubos de metal para enfiarmos braços e pernas, como se fossem um terno de lata) permitindo assim uma razoável mobilidade, com liberdade para fazer movimentos que dificilmente imaginaríamos que fossem possíveis, como polichinelos, rolamentos, flexões, etc. Provavelmente esses modelos foram versões mais modernas e flexíveis do que as primeiras armaduras. High-tech da idade média.

armor1

Dava até para comemorar uma matança batendo os calcanhares no ar

A segunda parte é tão interessante quanto a primeira, mostrando os truques e técnicas de combate, como o golpe no vão do capacete para enfiar a espada entre os olhos do inimigo.

armor5

Aqui o famoso golpe “abridor de lata”

Parabéns ao o Le Musée National du Moyen-Âge pela produção, uma ótima ideia de geração de conteúdo, feita por quem mais entende do assunto e compartilhado democraticamente com o resto do mundo. Que venham mais videos como este, de outros museus.

Reportar

Legend

Escrito por Wagner Brenner

Fundador e editor do Update or Die!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carregando…

0

Gostou do post?

82 points
Upvote Downvote