in ,

Zipline – uso genial de drones para salvar vidas em Ruanda

Ruanda é um país que não tem uma história fácil. A colonização brutal e nacionalização de etnias inimigas geraram uma guerra civil sangrenta, genocída e, pra quem olhava de fora, completamente sem sentido.

Para além das histórias de Hotel Ruanda (filmão!) e dos livros de Scholastique Mukasonga (que tem dois livros incríveis lançados aqui pela Editora Nós), Ruanda é um país que também olha para o presente e busca na tecnologia soluções que tragam um futuro melhor.

A Zipline é uma dessas iniciativas do país.

A empresa californiana, que usa drones para fazer a entrega de sangue e remédios críticos a hospitais, diminuiu a espera por recursos emergenciais de 4 horas para apenas 30 minutos.

A vida de um número incontável de pessoas pode ser salva graças ao uso de tecnologias em alta com algumas que quase não pensamos mais, como o SMS.

Baita história inspiradora!

Reportar

Escrito por Leonardo Amaral

Formado em uma coisa que ninguém nunca ouviu falar, acabei escrevendo.

One Ping

  1. Pingback:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carregando…

0

Gostou do post?

82 points
Upvote Downvote