Mais uma vez, Bohemian Rhapsody. Agora para John Lewis. Don’t ask.

Não sei muito o que dizer deste comercial em longa-metragem para a rede de lojas de departamento britânica, a John Lewis. A não ser uma certa lembrança dos não tão distantes tempos em que a gente tinha que se virar nos 30. E ter um mínimo de relevância. E, se possível, com uma oferta no pack shot, afinal é um comercial de varejo.

Foram de Bohemian Rhapsody. Sim, de novo. A música mais reinterpretada de todos os tempos. E a peça de final de ano. Sim, de novo também.

Claro que ao final alguém pode perguntar que catso isso tem a ver com a John Lewis. Ou não, acho que ninguém mais faz esse tipo de pergunta. Estamos na era da secundagem liberada, livre de grades de programação e portanto, vamos nessa. E mesmo porque, tem uma explicação no final (“quando você faz parte da coisa, você coloca seu coração”), então não me venha com churumelas.

Pelo menos a produção ficou bacana. Criação da Adam & Eve DDB, de Londres.

Default image
Wagner Brenner
Leave a Reply

Ad Blocker Detected!

Refresh