in ,

“Aquarela”, filme clássico da Faber-Castell, ganha versão repaginada

A clássica campanha da Faber-Castell acaba de ganhar uma nova versão que tem, como foco, a questão da diversidade.

Criado pela David SP, o filme tem como objetivo divulgar os novos EcoLápis Caras&Cores, coleção que veio para contrariar os chamados “lápis cor-de-pele”, termo que antes era usado para se referir apenas a cores claras, como bege e salmão. A linha traz seis “tons de pele” diferentes e, melhor ainda, misturáveis entre si.  Escreve sobre há alguns meses (pode conferir neste post).

Além da animação, que ganhou novos desenhos, a música também teve sua letra modificada. No lugar dos versos “Numa folha qualquer eu desenho um sol amarelo / E com cinco ou seis retas é fácil fazer um castelo”, originalmente cantados por Toquinho e Vinícius, entraram “Numa folha qualquer eu desenho a Carol e o Marcelo / E com dois ou três lápis eu faço a cor do Anselmo”. Os personagens que ilustram o vídeo são negros, orientais, ruivos entre outros, reforçando assim a mensagem que a campanha deseja transmitir. 

Linha do tempo 

Em 1983, era lançada uma das mais icônicas campanhas da história da propaganda brasileira: o filme “Aquarela”, para a Faber-Castell, que trazia desenhos feitos com os lápis de cor da marca ao som da música homônima de Toquinho e Vinícius. Na época, a animação desenvolvida pela Start Anima se revelou como uma das grandes revoluções criativas. 

https://www.youtube.com/watch?time_continue=21&v=mlzJd0xKubA

Mais tarde, em 1995, a mesma Start Anima lançou uma segunda versão da campanha. Esta trazia artes pintadas à mão com produtos da marca, tais como lápis de cor, giz de cera e guache. Ao todo, foram exibidos mais de 850 trabalhos, misturados a elementos em 3D. 

https://youtu.be/hihyZtyXLqA


Há ainda versões repaginadas que datam de 2001, 2012 e 2014 – esta, uma campanha lançada para a volta às aulas com a temática “Ideias feitas à mão” e foi a primeira campanha da agência David para a marca. O vídeo daquele ano era sobre como com a correria do dia a dia as pessoas se esquecem da importância de deixar sua marca e seus sentimentos registrados em folhas de papel. Aqui, a produtora responsável foi a Zola. 

Em 2012, o primeiro comercial da Faber-Castell com “Aquarela” completou 29 anos e, na época, já eram contabilizadas 26 versões com a mesma música, reforçando a ideia de que a nostalgia que tanto essa música quanto os produtos da marca trazem ao público ainda funcionam muito bem para divulgar seus lançamentos. 

A música “Aquarela” já esteve presente em trilhas sonoras de novelas, como “Carrossel”, e em campanhas para outras marcas, como Acrilex Tintas Artísticas e Samsung. 


Also published on Medium.

Reportar

Gostou do post?

82 points
Upvote Downvote
Mentor

Escrito por Gustavo Giglio

Updater, sócio do UoD, diretor de marketing/novos negócios.

100 Posts Mr. Postman!1000 Posts NinjaContent AuthorStory Maker

Comentários

Carregando…

0