in ,

Segundo GP do Brasil em Cannes é novamente da AKQA

Premiada na categoria Media, a campanha transformou graffitis em lojas virtuais geolocalizadas para lançar o AirMax da Nike

GP em dobro para o Brasil e para a AKQA neste terceiro dia de Cannes Lions 2019. Além de ter levado o Grand Prix de Entertainment for Music, com o Bluesman para Baco Exu do Blues, a agência faturou também o GP de Media com a campanha Air Max Graffiti Stores para a Nike.

Para superar a resistência do público brasileiro de fazer compras online, a campanha usou intervenções em graffiti da cidade de São Paulo para promover localizações onde os fãs poderiam comprar os novos modelos AirMax com exclusividade, através de uma loja online ativada por geolocalização.

Para além da execução, o timing foi muito crucial: as instalações que a Nike encomendou a grafiteiros aconteceram bem na época em que o então prefeito de São Paulo, João Dória, havia decidido apagar parte dos graffiti da cidade (decisão que mais cedo neste ano foi condenada pela justiça).

[Esse é] um trabalho brilhante, que se conecta com a cultura local, mesclando o e-commerce com [a técnica de] geofencing para criar uma nova oportunidade de compras de loja – a mídia é a mensagem. Excelente criatividade e parcerias para fazer a ideia da mídia vir para o mundo real, um cliente corajoso e resultados fenomenais

Karen Blackett OBE, da WPP, presidente do júri de Media

Além do Grand Prix, o Brasil também faturou leões de prata para o Competitor’s Sale (da Grey para a Volvo), Goleiro Distraído (da Tech and Soul para Uber), Pay Per Beer (da Africa para a Brahma), Air Max Graffiti Stores (da AKQA para a Nike); e de bronze para Burn that Ad (David para Burger King), Goleiro Distraído (da Tech and Soul para Uber), Rescue Dogz (da Wunderman Thompson para GUD) e Corruption Detector (da Grey para a Reclame Aqui).

Reportar

Mentor

Escrito por Jacqueline Lafloufa

Jornalista freelancer há 10+ anos, já escreveu e editou para grandes publicações brasileiras (Galileu, UOL, B9, Tecnoblog). Também transforma suas pesquisas jornalísticas em apresentações públicas – como palestras, oficinas e debates. Eventualmente atua como ghostwriter, com experiência em produção de conteúdo. Em oportunidades especiais, faz tradução literária do inglês para o português. É pós-graduada em comunicação digital (USP) e jornalismo científico (Unicamp), e bacharel em estudos literários.

Content Author100 Posts Mr. Postman!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carregando…

0

Gostou do post?

84 points
Upvote Downvote