Ryan Koopmans passou a última década fotografando as maiores metrópoles do planeta

O fotógrafo Ryan Koopmans, nascido na Holanda e criado no Canadá, queria estudar arquitetura assim que saiu do colégio, mas ao exercitar seu hobby, a fotografia, percebeu que se interessava mais em fotografar os edifícios do que em projetá-los.

Seu primeiro trabalho oficial publicado com a temática é o livro Vantage, que reúne dez anos de registros de fotografia arquitetônica de Koopmans, capturados em 17 países ao redor do mundo. Algumas imagens foram produzidas sob encomenda, enquanto outras surgiram em seu tempo livre. Nas páginas, fotos em alta resolução de mega cidades, de países como China e de antigos estados soviéticos como Geórgia, Cazaquistão e Ucrânia, onde torres de apartamentos da era comunista contrastam com arranha-céus pós-modernos.

O trabalho apresenta ainda fotografias de paisagens urbanas conhecidas de Dubai, Hong Kong e New York. A única regra era fazer o clique do ponto mais alto possível – um de seus truques preferidos é convencer equipes de trabalho locais a deixá-lo disparar o botão da câmera de cima de guindastes de construção. No Curdistão Iraquiano, os trabalhadores montaram um cinto de segurança para Koopmans, ergueram-o no ar e o deixaram ficar lá, tirando fotos com sua Canon EOS 5DS R.

É possível comprar impressões de edição limitada das fotos de Koopmans. Confira algumas aqui: 

Default image
Gustavo Giglio
Updater, sócio do UoD, diretor de marketing/novos negócios.
Leave a Reply

Ad Blocker Detected!

Refresh