globo


Eu me adaptei incrivelmente ao Kindle. Acostumei a ler livros na tela do device e hoje, quando acabo lendo livro de papel, até acabo estranhando. No entanto, com quadrinhos a coisa é diferente: eu nunca consegui ler HQs na telinha do Kindle. A experiência nunca foi boa; a tela pequena dificulta a leitura fluída de textos e o aparato não tem processador para fazer um zoom-in/zoom-out eficiente com os dedos em pinça. Eu tentei comprar algumas HQs digitais (sempre em preto e branco, logicamente), mas não foram boas experiências. Fora o fato de que eu gosto de colecionar quadrinhos físicos.

No entanto, em uma viagem recente que fiz (pré-pandemia) acabei ficando com tempo extra em um aeroporto – por conta de um atraso de avião – e fui explorar a loja do Kindle (pois o livro que estava lendo tinha acabado). No meio da busca me deparei com uma enxurrada de HQs nas sugestões. Apesar das experiências prévias negativas resolvi baixar alguns demos e acabei tendo duas boas surpresas que compartilho aqui.

1.Um pedaço de madeira e aço

Christophe Chabouté é um dos nomes dos quadrinhos que eu mais admiro. A adaptação que ele fez de Moby Dick para novela gráfica é uma obra de arte que guardo com o maior carinho na minha coleção. Ainda não tinha lido “Um pedaço de madeira e aço”, mas só tinha lido bons comentários sobre. É a história de um banco de praça e o tempo e pessoas passando por ele; parece banal ao extremo, mas o ritmo gráfico e narrativo fazem da HQ uma obra fantástica.

É um quadrinho perfeito para se ler no Kindle: não há diálogos e o ritmo cinematográfico (quase de storyboard) da trama fica excelente de ser passado com a velocidade de mudança de página do Kindle. É a mesma coisa que ler no papel? Nunca. Tanto é que eu acabei comprando a versão física também, mas é uma HQ que “funciona” bem se você quiser ler na telinha.

2.Bezimena

Essa HQ entra naquela categoria “inclassificável” tamanho estranhamento que sua leitura causa. Desenhada e escrita por Nina Bunjevac, autora canadense filha de pais sérvios, a história em quadrinhos é um conto de fantasia noir com toques de pornografia. Compartilho a descrição da trama de acordo com o verso do álbum: “Bezimena é uma versão modernizada do mito de Ártemis e Sipriotes. Ártemis é a deusa virgem das caçadas, da lua e do nascimento, filha de Zeus. Seus domínios são as montanhas, rios e portos. Sipriotes é um jovem que Ártemis transforma em mulher como punição pela tentativa de estupro de uma de suas seguidoras virgens“. O livro alterna o tempo e atualiza o mito em questão em tempos contemporâneos.

O quadrinho é magistralmente ilustrado e, apesar de ter balões com diálogos (poucos) é uma boa experiência de ler no Kindle porque é possível dar zoom nos desenhos e ver algumas ilustrações em detalhes fantásticos (acho que muito disso porque a HQ foi bem projetada para “rodar” no Kindle).

Ler quadrinhos nas versões atuais do Kindle podem passar longe da experiência de ler as HQs físicas, mas algumas obras a gente pode “improvisar”e ter uma leitura agradável também. Ficam as dicas.

5 comentários
  1. Acabei encontrando por acaso seu texto no google, e por acaso eu tenho um blog onde eu posto hqs para serem lidas no kindle, eu as edito no kindle comic converter, converto pra mobi e passo via usb. Gosto muito de ler quadrinhos pelo kindle, então resolvi compartilhar as hqs que edito pra eu ler. Se alguém tiver interesse: https://quadrinhosnokindle.blogspot.com

  2. Leio muito, praticamente só no digital.
    Comecei lendo no PC (desconfortável) uns 20 anos atrás, depois celular, tablet e Kindle.
    Hoje alterno entre celular (na rua) e Kindle (em casa), mas quadrinhos em digital é complicado, não tem a fluidez do papel.
    Meu sonho é criarem dispositivo próprio para leituras gráficas, porque há livros que não “funcionam” bem em digital, O pequeno príncipe” e Fernão Capelo Gaivota são dois bons exemplos.

    1. O preço na amazon é 499,00.
      Perdi meu Kindle paperwhite a uns dias atrás, fiquei caçando preço.
      Comprei o modelo novo do kindle paperwhite (6″, 8 GB e a prova d’água) por 377,10 + 10,26 frete, no boleto.

  3. Muito legal Vince. Ler quadrinhos em tela pode mesmo ser uma experiência muito legal, tem uns readers que fazem os movimentos de câmeras, tipo panorâmicas e zoom, demais. No Kindle realmente nunca explorei muito, adorei as dicas, valeu

Comente

Você também deve gostar destes