Vai ser um ano de retomada de anunciantes, depois de uma temporada complicada para o Super Bowl. As incertezas em torno da Covid-19 transformaram a compra e a produção de um comercial (geralmente super-produções) em uma aposta ruim. A situação ainda não mudou tanto assim, mas a ausência de algumas marcas que já marcaram presença em edições anteriores abriu espaço para anunciantes estreantes.

Além da escalada na demanda, houve alta nos preços dos anúncios para o grande jogo. A NBC está pedindo US$ 6,5 milhões por um comercial de 30 segundos – ano passado, a CBS cobrou US$ 5,6 milhões.

Confira quais marcas já confirmaram presença no Super Bowl deste ano e quais seus respectivos planos para o intervalo do jogo:

Bebidas
Anheuser-Busch InBev

Compra: a empresa mantém os direitos exclusivos de anúncio de bebidas alcóolicas no jogo, mas não revelou detalhes sobre a compra.

Criação: Michelob Ultra e Bud Light devem aparecer nos comerciais. A grande dúvida é se a Budweiser retorna depois de faltar ao jogo em 2021 – primeira ausência do evento em 37 anos.

Comida
Avocados From Mexico

Compra: o comercial de 30 segundos marca o retorno do anunciante ao grande jogo, depois da ausência em 2021. A marca desfez relações com a Energy BBDO e voltou a se unir com a GSD&M, que já atendeu o cliente antes.

Criação: a ser definida, mas a linha dos comerciais de 2015 a 2020 focaram no humor e nas celebridades.

Web Services
DraftKings
Compra: a DraftKings volta ao Super Bowl depois da estreia no ano passado.

Criação: a plataforma de apostas esportivas terá uma abordagem mais criativa do que em 2021, quando veiculou dois rápidos comerciais de 15 segundos.

Comida
Frito-Lay

Compra: a marca volta ao Super Bowl com um anúncio que promoverá dois produtos: o Cheetos Flamin’ Hot Crunchy e o novo Doritos Flamin’ Hot Cool Ranch.

Criação: o comercial deverá incluir uma celebridade ainda não revelada pela Frito-Lay. Ano passado, o anúncio de Cheetos contou com Ashton Kutcher, Mila Kunis e Shaggy, enquanto o de Doritos teve a participação de Matthew McConaughey.

Finanças
FTX

Compra: a FTX, plataforma de criptomoedas, estreará seu primeiro comercial no Super Bowl.

Criação: Sam Bankman, CEO da FTX, disse que a empresa usará o jogo para ajudar a educar consumidores sobre criptomoedas e assegurar que é algo seguro e acessível para todos. O anunciante tem intensificado seus esforços de marketing nos EUA com o casal Tom Brady e Gisele Bündchen (acionistas da empresa) em uma campanha veiculada nos jogos da NFL.

Agência: Dentsu McGarryBowen
Crypto.com

Compra: a Crypto.com aparecerá nos intervalos do jogo pela primeira vez.

Criação: o comercial ocorrerá um ano depois de a plataforma de criptomoedas ter ganhado os direitos pelo Staples Stadium em Los Angeles, quando convocou Matt Damon para estrelar um anúncio.

QuickBooks (Intuit)
Compra: Este é o primeiro comercial da empresa no Super Bowl, embora a Intuit já tenha anunciado em 2014 e 2016, promovendo a GoldieBlox e a Deathe Wish Coffee, respectivamente.

Criação: o novo anúncio estará alinhado à campanha “Early Start” e mostrará a incerteza vivenciada por donos de pequenos negócios na hora de lidar com a parte de números de suas empresas.

Agência: TBWA/Chiat/Day LA

Web Services
Google

Compra: o Google retornará ao Super Bowl depois de não anunciar no jogo no ano passado.
Criação: o comercial do Google em 2020, “Loretta”, contou a história de um viúvo que recorre à plataforma de buscas para lembrar da esposa.

Auto
Nissan

Compra: a Nissan vai anunciar no Super Bowl pela primeira vez desde 2015 com um comercial de 60 segundos.
Criação: o filme será estrelado por Brie Larson e trará o modelo elétrico Ariya e o Nissan Z. Chamado “Thrill Ride”, o comercial deverá ser leve, com o intuito de entreter.

Agência: TBWA/Chiat/Day

Comida
Pringles (Kellogg Co.)

Compra: a Pringles veiculará um anúncio de 30 segundos. Este é o quinto ano consecutivo que o anunciante participa do jogo.

Criação: o comercial deverá abordar um “delicioso dilema que provocará conversas entre os amantes do snack”.

Agência: Grey Group

Web Services
Meta

Compra: a Meta, ex-Facebook, retorna ao SuperBowl depois da estreia em 2020.

Criação: o primeiro comercial da empresa contou com Chris Rock e Sylvester Stallone para promover os grupos do Facebook.

Rakuten
Compra: a Rakuten estreará no intervalo do jogo com um comercial de 30 segundos.

Criação: o filme terá uma temática “Casino Royale” e contará com uma lista de celebridades e dois influenciadores da moda.

Agência: in-house

Marcelo Trindade

Jornalista e piloto amador de drone nas horas vagas (as que não estou procurando onde caiu o drone). Curioso por natureza, mesmo sabendo que mata.

Sugestões Nessa Categoria