Campanha global ‘We Are One Ocean’, da WSL, reduz emissões de carbono em 49%

nbsp

TikTok

World Surf League (WSL) e a WSL PURE, organização sem fins lucrativos da WSL, anunciam o impacto de sua campanha global We Are One Ocean (WAOO) sobre a temporada 2022 da competição Championship Tour (CT): redução em 49% das emissões de carbono se comparado a 2018; educação de mais de 35.000 jovens em todo o mundo sobre gestão cultural e ambiental; coleta de 100 toneladas de plástico apenas nos rios da Indonésia; e conservação de 347.291 hectares de terra, incluindo proteção de longo prazo para ondas icônicas e ecossistemas de surfe em Playa Hermosa, na Costa Rica, e em Grajagan Bay, Java, Indonésia.

Como parte da We Are One Ocean, a WSL PURE financia um programa anual de subsídios para apoiar organizações sem fins lucrativos, com foco em melhorar a saúde dos ecossistemas oceânicos globais, ao mesmo tempo em que apoia os meios de subsistência e as culturas das pessoas que dependem deles. 

As doações deste ano beneficiaram projetos que restauraram ecossistemas, reduziram a poluição por plásticos marinhos e desencadearam ações climáticas. Entre os favorecidos está a SOS Mata Atlântica, do Brasil, que agora terá o surfista brasileiro Filipe Toledo, campeão mundial de surfe da WSL (2022), como representante do Pacto Trinacional pela Mata Atlântica – criado com o objetivo de reflorestamento, a partir da união de três países: Argentina, Paraguai e Brasil. 

Essa é uma das primeiras bandeiras da Restauração Mundial do Programa Ambiental das Nações Unidas. “É uma honra poder ser o representante de uma causa tão nobre e tão importante para o nosso planeta. Espero que eu possa influenciar e ser espelho para muitas pessoas e nações a cuidarem da nossa natureza”, afirma Filipe.

Outro favorecido pela doação do WSL PURE obteve reconhecimento significativo por seu trabalho, a SeaForester, organização que desenvolve novas tecnologias para plantar e restaurar florestas de algas para melhorar a saúde marinha e capturar carbono, indicada como finalista no Prêmio Earthshot, concedido pelo Reino Unido. Entre os demais projetos beneficiados deste ano estão: Na Kama Kai (Havaí), Native Like Water (EUA), Surf Conservation Partnership (Indonêsia), Regeneration Surf Coalition (Portugal) e JBay Surf Alliance (África do Sul).

Gustavo Giglio

Sócio do UoD (novos negócios/projetos especiais).
Baixista do Kisser Clan e co-fundador do Coffee Hunter.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

post anterior
nbsp

Profissionais do Ano 2022: os vencedores nacionais

próximo post
nbsp

Ted Lasso veicula mensagens para jogadores da seleção dos EUA usando painéis em suas cidades

relacionados