Os efeitos do LSD em experimentos durante a década de 50

Um registro em vídeo histórico, de um dos famosos experimentos com as substâncias de expansão mental da década de 50, o Psychedelic Drug Research Project .

A substância, no caso, era o LSD.

E nesse experimento, podemos acompanhar a “expansão” de uma pacata dona de casa de Los Angeles em 1956. Não se sabe se ela continuou pacata depois disso ou se enfiou numa Kombi pintada e se mandou para uma comunidade alternativa.

Tem uns testes também bastante conhecidos com aranhas e suas teias cada vez mais deformadas, que deve ter rolado pouco antes de começarem os testes com as pacatas donas de casa de Los Angeles.
Coisas dos viajandões membros do “Clube Psicodélico de Harvard”  (Harvard Psychedelic Club) – com os professores-gurus Timothy Leary Ram Dass, Huston Smith e Andrew Weil. O mundo nunca mais foi o mesmo.

Bonus Track: John Lennon disse que Lucy in The Sky with Diammonds não tinha nada a ver com LSD e que foi inspirada numa amiguinha do seu filho (o Julian Lennon – onde andarás?) chamada Lucy Vodden. Que por sua vez, declarou em 2009 para o The Guardian que “esse tipo de música não tem nada a ver comigo”.

Ingrata.

Aqui no nosso post, vamos então apenas considerar que Lucy é essa senhora do vídeo.

O bônus #2 fica por conta dessa série de auto-retratos encomendados pelo governo norte-americano na mesma época que mostram os efeitos do LSD no artista.

Default image
Wagner Brenner
Leave a Reply

Ad Blocker Detected!

Refresh