Aquela vez em que a Amazon quase comprou a Netflix

Sim, o CEO da Amazon, Jeff Bezos, quase comprou a Netflix em 1998. O maior concorrente da Amazon Prime Video hoje poderia ter sido engolido pela empresa de comércio eletrônico há mais de 20 anos se Bezos tivesse oferecido mais dinheiro aos fundadores.

De acordo com um trecho de “That Will Never Work: The Birth of Netflix and the Amazing Life of an Idea“, o co-fundador da Netflix, Marc Randolph, e seu co-fundador, Reed Hastings, foram convidados a se encontrar com Bezos na sede da Amazon em Seattle. Durante essa reunião, Bezos manifestou interesse em comprar a Netflix para ajudar a lançar o setor de vídeos da Amazon.

Ele ofereceu à dupla US$ 15 milhões, o que agradou Randolph, que possuía 30% da empresa. Reed, no entanto, não ficou impressionado. Ele possuía os outros 70% da Netflix e já havia investido US$ 2 milhões para dar vida a ela. Parece que arriscar valeu neste caso.

O livro recém lançado já está disponível na Amazon.

Default image
Julio Moraes
Julio Moraes é empresário e atua na área de estratégia e planejamento em Marketing & Digital há mais de 16 anos e conta com trabalhos em mais de 20 empresas nacionais e internacionais. Atualmente vivendo e trabalhando em Los Angeles e com trabalhos ganhadores do EMMY® - The Television Academy e indicados ao HFPA® Golden Globes.
Leave a Reply

Ad Blocker Detected!

Refresh